YayBlogger.com
BLOGGER TEMPLATES

sábado, 22 de agosto de 2009


Morte é a pior palavra de todas. Todos temos medo da morte, uns mais, outros menos, mas todos achamos que com o medo a podemos afastar. Ninguém é imune à morte, ninguém. Se há coisas na vida que não controlamos, uma delas é, definitivamente, a morte.
Todos confortamos com a frase "Foi para um sítio melhor!" ou "Faz parte da vida!", mas todos sabemos que quando a morte nos toca a nós achamos sempre que o melhor sítio de todos é este mundo onde a felicidade existe, e que não, não devia fazer parte da vida... Não devíamos ver os que amamos morrer, não devíamos senti-los a sofrer com medo desse sítio melhor, não devíamos ver a morte como um fim... Mas na realidade vemos os que amamos morrer, sentimo-los a sofrer com medo desse sítio melhor e, por muito que queiramos, vêmos a morte como um fim. Não se prepara o coração para a morte porque a ideia de ausência é tão assustadora que o coração não se quer preparar, nunca estamos preparados, nunca. Choramos porque amamos e sofremos porque nem sempre aceitamos a lei da vida! A saudade permanece e nunca desaparecerá, nunca dará lugar ao esquecimento porque as memórias e o amor continuam dentro de nós, são a nossa identidade.

2 comentários:

Gabs disse...

A nossa perfeita imperfeição. Estamos condenados aos sentimentos e emoções. E ainda bem que assim é, mesmo que acabe por custar (na maioria das vezes).
:)

Celinha 007 =) disse...

Por isso, enquanto não existir o fim, estarei aqui para ti* Sempre que precisares. Luv u! :D *