YayBlogger.com
BLOGGER TEMPLATES

terça-feira, 21 de outubro de 2008

conversas de miudas com dores

"- Ainda te lembras de quando valia a pena acordar cedo para ver desenhos animados;
- Sabes de cor a música de pelo menos 4 canções da Disney;
- Fazias aquelas coisinhas de papel para ver com quem é que te ias casar e os 'quantos queres?';
- Cantavas as musicas das Spice Girls, mas não sabias bem o que é que estavas a dizer;
- Sabias que a Power Ranger cor de rosa e o verde ainda iam acabar juntos;
- Não perdias um episódio do Dragon Ball;
- Tiveste, pelo menos, um Tamagotchi;
- Sabias as músicas dos Onda Choc de cor 'ele é o reiii, eiii, eiii'
- Ainda és do tempo em que a Anabela cantava 'quando cai a noite na cidadeee'...
- Brincavas aos Polly Poquet!
- Ainda te lembras da coreografia da Macarena;
- Gritavas 'Olhós namorados, primos e casados!';
- Choraste quando o Mufasa morreu e, se for preciso, voltas a chorar se voltares a ver o filme outra vez;
- Tururururu Inspector Gadget Tururututu!
- Ainda te lembras de ver a tua mãe ou a tua avó a chorar a ver o 'Ponto de encontro'
- 500 escudos dava para tanta coisa!
- 'Bem-vindos ao mundo encantado dos brinquedos, onde há reis, princesas, dragões!'
- Todas as tuas decisões importantes eram feitas com um 'pim-pu-ne-ta'
- 'Velho' queria dizer qualquer pessoa acima dos 17 anos;
- Conheciass pelo menos uma pessoa que tinha daqueles ténis com luzinhas!
- Quando ias ao cabeleireiro, a tua mão dizia-te que ficavas linda de 'poupa';
- Querias sempre um Push-pop e a tua mãe nunca te queria dar porque ficavas todo a colar!!!
- Levaste pelo menos um sermão por teres colado o teu 'pega-monstros' ao tecto da cozinha;
- Trocavas tazzos e matutolas;
- Vias o Zig-Zag, e o Buereré.
- Vias o Riscos, no canal 2, e sentias-te muito mais crescida.
- Achavas piada ao 'quarto-escuro';
- Respondias aos insultos com 'quem diz é quem é!!'
- Lembras-te de ver os Simpsons e de não perceberes porque é que, sendo desenhos animados, não tinham graça nenhuma;
- Viste o Rei Leão, e os 101 dálmatas.
-Já te apercebeste que já não és uma criança, e que sabe bem recordar os momentos que já passaram...»


Quanto mais dói mais neurónios se vão queimando e parece que começamos a sentir o pouco discernimento que nos resta a escapar por entre os dedos! As conversas começam várias vezes com um "já estou velha para estas coisas!" e após dizer isto ouve-se um suspiro geral... É verdade, estamos velhas e já vemos os anos passar sem dar conta e quando olhamos para trás só conseguimos recordar com nostalgia oa tempos de boa infância e pura diversão! As conversas normalmente terminam com um encolher de ombros e com a magnífica frase "as minhas pernas já não são o que eram!"!!!

Queixamo-nos porque nem sabemos o que dizemos quando já dói tanto que nem é possível distinguir onde é que é mesmo o foco da dor, e só reclamamos quando alguém fala em dores insuportáveis e dores confortáveis. Dores confortáveis??? Alguém sabe o que é?? Na minha terra isso é uma contradição! Se querem saber a definição de dor confortável sentem-se no chão, abram as pernas ao máximo e ponham a testa no chão. Podem deixar comentários a fazer o balanço da experiência, é para efeitos de estatística!! :)

Hoje gosto de ter 16 anos e gosto, principalmente, das brutas das dores nas pernas e nas costas!


3 comentários:

bailaroska disse...

Dores boas. Percebo.
Sobretudo as provocadas por essa última posição descrita. Hmmm...

E velha, Maria??!!!!! ;)

Sónia Neves disse...

Gostei tanto da primeira parte do teu texto :)
Tantas coias boas qe me vieram à memória, outras que até pensava não me lembrar mais... foi giro, recordar cenas de infância :)

bjinho!

sofia disse...

lool

http://conversasdemiudas.forumeiro.com/